Real e Barcelona se enfrentam no provável último clássico de Messi – Lance

[ad_1]


Este sábado é dia do mundo parar para assistir o jogo entre Real Madrid e Barcelona, às 16h (horário de Brasília), no Estádio Alfredo Di Stéfano, pelo Campeonato Espanhol. As duas equipes vivem um ótimo momento na temporada e sonham com a conquista do título da La Liga. Messi, em seu provável último clássico, já que ele deve deixar o Barça no final da temporada, é, claro, o principal comandante da equipe blaugrana, enquanto os merengues contam com Vini Jr em ótima fase e o duelo promete muitas emoções.



Fala, Koeman

“O resultado não é decisivo, pois ainda faltarão muitas partidas, mas a equipe que vencer, ganhará uma moral importante para a sequência. Um clássico é um jogo diferente dos outros. Estamos lutando para ganhar a La Liga e o Real é o Real. Temos que nos concentrar no nosso trabalho. Eu espero o melhor Messi e o melhor Barça”, avaliou o técnico do Barcelona.


Fala, Zidane

“O Atlético está em vantagem e é líder. É um campeonato muito disputado e todos podem ganhar, não saberemos até o final. Estamos trabalhando a cada dia, vivemos um bom momento e vamos dar tudo. Sabemos quem é Messi e sabemos que jogamos contra o Barcelona. São todos bons, mas vamos tentar neutralizar suas forças e esperamos uma boa partida”, disse o comandante merengue.



Momento

O Barcelona vive uma grande fase no Campeonato Espanhol: são 19 partidas invictas, sendo 16 vitórias e apenas três empates. No entanto, o Real Madrid não perde um El Clásico desde 2019, tendo conquistado duas vitórias nos últimos dois encontros entre as equipes. A equipe de Zidane está há nove jogos sem saber o que é ser derrotado, tendo triunfado em sete oportunidades, a última delas contra o Liverpool, na Champions League.

FICHA TÉCNICA:
Real Madrid x Barcelona


Data e horário: 10/4/2021, às 186h (de Brasília)
Local: Estádio Alfredo Di Stéfano, em Madri (ESP)
REAL MADRID (Técnico: Zidane): Courtois; Vazquez, Militao, Nacho e Mendy; Modric, Casemiro e Kroos; Asensio, Benzema e Vinícius Júnior
Desfalques: Hazard, Carvajal e Sergio Ramos (machucados). Varane (Covid-19)
BARCELONA (Técnico: Ronald Koeman): Ter Stegen; Mingueza, De Jong e Lenglet; Dest, Pedri, Busquets e Alba; Griezmann, Messi e Dembélé
Desfalques: Coutinho e Ansu Fati (machucados)


Com três brasileiros, Uefadivulga seleção das quartas da Champions


[ad_2]

Fonte Notícia