Novo presidente do BC da Turquia promete política monetária apertada, dizem fontes Por Reuters

[ad_1]

© Reuters. Novo presidente do banco central da Turquia, Sahap Kavcioglu

Por Ali Kucukgocmen e Can Sezer e Ebru Tuncay

ISTAMBUL (Reuters) – O novo presidente do banco central da Turquia, Sahap Kavcioglu, afirmou nesta quinta-feira em suas primeiras conferências com investidores que a política monetária apertada permanecerá em vigor por causa da inflação alta, de acordo com várias pessoas, ajudando a impulsionar a lira.

O presidente Tayyip Erdogan nomeou Kavcioglu em 20 de março, em um movimento que fez a lira recuar 13% já que os investidores projetavam um rápido movimento para afrouxar a política monetária, dadas as críticas anteriores de Kavcioglu à postura rígida da autoridade monetária.

Questionado em uma conferência com investidores locais sobre uma coluna de jornal de fevereiro em que afirmava que as taxas elevadas impulsionavam a inflação, Kavcioglu minimizou suas opiniões anteriores e disse que, como presidente, agirá de acordo com sua “tarefa institucional”.

Uma pergunta semelhante feita ao novo presidente em uma conferência à parte com investidores internacionais foi a única que ele respondeu diretamente, afirmaram fontes presentes na chamada.

“Ele disse basicamente para lhe julgar após o comitê de política monetária de abril, o que eu consideraria um sinal muito forte de que certamente não veremos mais cortes nas taxas em abril”, afirmou um gestor de ativos.

Duas fontes afirmaram à Reuters que uma autoridade de alto escalão do banco central disse na primeira ligação que não haverá cortes prematuros nas taxas de juros e que a inflação – de 15,6% em fevereiro – agora estava perto do limite superior de suas projeções.

A mesma autoridade acrescentou que a recente liquidação da lira aumentaria a inflação no curto prazo, disseram as fontes.

“Eles estão dizendo todas as coisas certas” e provavelmente irão “segurar firme” por enquanto, disse um investidor.

A lira tinha alta de 1,57%, a 8,1350 em relação ao .

O ex-presidente do banco central Naci Agbal elevou a taxa de juros de 10,25% para 19% em quatro meses no posto, para lidar com uma inflação que permaneceu na casa dos dois dígitos na maior parte dos últimos quatro anos.

A autoridade monetária projetava uma inflação máxima de 17% em março e um pouco mais em abril, de acordo com a previsão de fevereiro. Os analistas preveem que ela subirá até abril, quando o Goldman Sachs espera que atinja um pico de 18%.

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

!function(f,b,e,v,n,t,s)
{if(f.fbq)return;n=f.fbq=function()
{n.callMethod? n.callMethod.apply(n,arguments):n.queue.push(arguments)};
if(!f._fbq)f._fbq=n;n.push=n;n.loaded=!0;n.version=’2.0′;
n.queue=[];t=b.createElement(e);t.async=!0;
t.src=v;s=b.getElementsByTagName(e)[0];
s.parentNode.insertBefore(t,s)}(window, document,’script’,
‘https://connect.facebook.net/en_US/fbevents.js’);
fbq(‘init’, ‘751110881643258’);
fbq(‘track’, ‘PageView’);


[ad_2]

Fonte Notícia