Fundador do PSD, Antonio João vai se desfiliar do partido
Por Redação Publicado 14 de julho de 2015 às 10:33hs

O ex-senador e fundador do PSD em Mato Grosso do Sul, Antonio João Hugo Rodrigues, vai se desfiliar ainda hoje do partido que ajudou a fundar também nacionalmente. A atitude é uma resposta às “canetadas” dadas pelo novo presidente do partido Antonio Cezar Lacerda em companhia do deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB).
No último dia 1º de julho, Antonio João deixou a liderança do partido e deu lugar a Lacerda, advogado ligado aos irmãos Trad.

O que chateou profundamente o ex-senador foi a atitude de Lacerda e Marquinhos em destituir diretórios municipais do partido no interior do Estado. Em cidades como Dourados e Ponta Porã, a ordem de que todos os líderes e integrantes do diretório seriam trocados surpreendeu a todos.

De acordo com Antonio João, o pedido de desfiliação será protocolado ainda nesta segunda-feira (13) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

“Estou chateado com tudo que aconteceu e me desfilio como forma de compaixão pelos colegas que me seguiram. Eu fico penalizado em sair, mas não posso continuar, não apoio isso. Política não se faz desse jeito”, disse o ex-senador.

Fonte: Correio do Estado/Aliny Mary Dias e Valquiria Oriqui