Brasil bate pelo 5º dia seguido recorde em média de mortes por Covid-19 Por Reuters

[ad_1]


SÃO PAULO (Reuters) – O Brasil bateu neste domingo o quinto recorde consecutivo de média diária de mortes por Covid-19, enquanto registrou a segunda maior média de novos casos desde o início da pandemia, em números que dão ideia da gravidade do atual estágio da crise sanitária no país.

Nas últimas 24 horas, o Brasil registrou 721 óbitos decorrentes da Covid-19, com 34.027 registros da doença, conforme dados do Ministério da Saúde.

O represamento de testes que normalmente ocorre durante o fim de semana tende a reduzir a contabilização de novos casos e mortes pela doença.

Pela média móvel de sete dias, contudo, o número diário de mortes foi a 1.205, cifra mais alta desde o início da pandemia e o quinto dia consecutivo em que o recorde é quebrado. Dos dez dias de média mais alta de falecimentos, nove são deste mês de fevereiro.

A média móvel de novos casos alcançou 54.726 neste domingo, segundo maior número de toda a pandemia e pouco atrás da cifra do último dia 12 de janeiro (55.034). Todas as dez médias móveis mais altas de novos casos ocorreram neste ano.

A piora nos números da pandemia no país ocorre em meio ao caos em serviços públicos de saúde de vários Estados, com a falta de leitos de UTI levando governadores a adotar novas medidas de restrição ou a reforçar as que já vinham sendo aplicadas, apesar de críticas abertas do presidente Jair Bolsonaro ao fechamento de atividades.

Neste domingo, Bolsonaro voltou a criticar as medidas de restrição anunciadas e disse que a saúde “sempre teve seus problemas”.

“A saúde no Brasil sempre teve seus problemas. A falta de UTIs era um deles e certamente um dos piores”, afirmou em postagem no Twitter ao comentar uma foto, também na postagem, de título e linha fina de uma reportagem do G1 de março de 2015 sobre falta de leitos de UTI no país.

“HOJE, ao FECHAREM O COMÉRCIO e novamente te obrigar a FICAR EM CASA, vem o DESEMPREGO EM MASSA com consequências desastrosas para o país”, completou o presidente em texto na rede social.

No total, o Brasil soma agora 10.551.259 casos de Covid-19, com 254.942 mortes pela doença.

O país segue como o terceiro no mundo em número de casos, atrás dos EUA (28,6 milhões) e da Índia (11,1 milhões), de quase 114 milhões de registros globalmente.

Em número de mortes, o país tem a segunda pior marca, enquanto os EUA contabilizam 513.052 óbitos. No mundo, mais de 2,52 milhões de pessoas morreram devido à doença, segundo dados da Universidade Johns Hopkins.

(Por José de Castro)

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

!function(f,b,e,v,n,t,s)
{if(f.fbq)return;n=f.fbq=function()
{n.callMethod? n.callMethod.apply(n,arguments):n.queue.push(arguments)};
if(!f._fbq)f._fbq=n;n.push=n;n.loaded=!0;n.version=’2.0′;
n.queue=[];t=b.createElement(e);t.async=!0;
t.src=v;s=b.getElementsByTagName(e)[0];
s.parentNode.insertBefore(t,s)}(window, document,’script’,
‘https://connect.facebook.net/en_US/fbevents.js’);
fbq(‘init’, ‘751110881643258’);
fbq(‘track’, ‘PageView’);


[ad_2]

Fonte Notícia