Bolsonaro afirma que pandemia é usada para “tentar derrubar o presidente”


Além disso, o presidente também falou sobre a decisão do STF sobre cultos e missas

Por: Aline Bueno Silvestre | 07 abril – 22:03

Nesta quarta-feira (7), durante posse do novo diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que parte da pandemia é para tentar derrubá-lo.

“Não vamos chorar o leite derramado. Estamos passando ainda por uma pandemia, que em parte é usada politicamente não para derrotar o vírus, mas para tentar derrubar o presidente”, disse.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Na mesma cerimônia, Bolsonaro falou sobre o preço do gás, e disse ser inadmissível o aumento do preço. Leia a matéria completa.

Além disso, o presidente também falou sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de decidir sobre liberação de cultos e missas. Quando deu o discurso, o ministro Gilmar Mendes ainda não tinha decidido.

Bolsonaro diz que espera que igrejas continuem abertas durante a pandemia

No final da tarde, o ministro votou contra a liberação. Porém, o voto dele diverge do ministro Kassio Nunes Marques, que tinha aceitado o pedido da  Associação Nacional de Juristas Evangélicos e liberou as cerimônias religiosas.

Agora, a decisão deve seguir na quinta-feira (8) e retomar os votos.

* Com informações do Portal R7

LEIA MAIS:

Entenda por que cultos religiosos podem oferecer alto risco para Covid-19

Deputados criticam fala de Advogado-Geral da União sobre cultos e missas presenciais “está muito abaixo da mediocridade”

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:



Fonte Notícia

Please follow and like us: