Projeto estabelece prioridade para vacinação contra vírus H1N1
Por Ariel Moreira Publicado 5 de abril de 2017 às 14:16hs

O deputado Dr. Paulo Siufi (PMDB) apresentou nesta quarta-feira (5), durante a sessão ordinária, projeto de lei que acrescenta dispositivos ao artigo 1º da Lei nº 3.829/2009, que estabelece prioridade para a vacinação contra o vírus H1N1 em Mato Grosso do Sul. A proposta acrescenta à legislação os feirantes e os profissionais dos Centros Comerciais Populares entre as pessoas que devem ser imunizadas primeiramente contra a “gripe suína”, vírus H1N1.

Segundo o parlamentar, a matéria acrescenta importantes dispositivos à lei já existente e amplia as prioridades já estabelecidas pelo Ministério da Saúde, tais como os pacientes que se submetem à hemodiálise, radioterapia, quimioterapia, os pacientes transplantados, servidores da educação e agentes penitenciários. “A Gripe A ou Gripe Suína, causada pelo vírus H1N1, é uma doença altamente contagiosa, com sintomas mais severos do que um resfriado, pode causar várias complicações, como pneumonia”, afirmou Dr. Siufi. Ele ressaltou que surtos epidêmicos e endêmicos são capazes de causar um número significativo de mortes e que a vacina é muito importante para a prevenção. “Ela imuniza contra o principal vírus causador da doença, além de ter um impacto muito grande na redução da mortalidade, principalmente em pacientes idosos”.

Dr. Siufi explicou ainda, na justificativa do projeto de lei, que os feirantes e profissionais que trabalham nos centros comerciais populares se encontram na categoria de alto risco de contágio, devido ao contato que possuem com grande fluxo de pessoas, ficando expostos a todos os tipos de doenças. A proposta segue para apreciação da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), antes da votação em plenário.

Fonte:Douradosnews