Primeira-dama participa de lançamento de programa da ONU em Brasília
Por Redação Publicado 3 de março de 2018 às 08:11hs

Presidente da Comissão Municipal dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, a primeira-dama de Campo Grande Tatiana Trad participou nesta quinta-feira (1º), do Lançamento do Plano de Ação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e do Prêmio ODS Brasil em Brasília.

Anunciado pelo ministro Carlos Marun (Secretaria de Governo), o lançamento do prêmio aconteceu em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília. Já o Plano de Ação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável consiste em implementar uma ousada agenda de desenvolvimento com o objetivo de garantir um planeta mais próspero, equitativo e saudável.

As medidas precisam ser implementadas no país até 2019 e Campo Grande deve seguir o mesmo parâmetro. A capital de Mato Grosso do Sul já está trabalhando efetivamente nas metas estabelecidas e foi a segunda capital do país e a primeira cidade do estado a aderir as ODS.

“Nossa gestão já atua em muitas áreas em conformidade com as ODS, e agora o trabalho será ainda mais efetivo visando a implementação da Agenda 2030 da ONU, dessa forma, trabalhando para uma sociedade mais justa socialmente, reduzindo desigualdades de maneira responsável e sustentável”,  explica a primeira-dama.

Entre as medidas previstas no documento está a criação da chamada Câmara Temática Parcerias e Meios de Implementação, instalada nesta sexta-feira (2), em Brasília, que vai organizar a execução dos trabalhos.

“A comissão vai funcionar por meio das câmaras temáticas”, pontua Henrique Villa da Costa Ferreira, secretário-executivo da Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e Secretário Nacional de Articulação Social.

O Plano de Ação das ODS biênio 2017 – 2019 norteia as ações dos conselhos municipais. E para implementá-los de maneira satisfatória, já está prevista a criação de uma plataforma digital para monitoramento da agenda e do alcance dos objetivos.

“Aqui se debaterá a respeito de um dos grandes conflitos, talvez o maior de todos: o conflito entre a necessária prosperidade humana e a necessária preservação do planeta”, disse o ministro Carlos Marun.

Sobre as ODS

Em setembro de 2015, líderes de 193 países concordaram, sob a coordenação da ONU, em implementar uma ousada agenda de desenvolvimento com o objetivo de garantir um planeta mais próspero, equitativo e saudável até 2030. Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), então definidos, incluem 169 metas em grande diversidade de temas, materializando a evolução e o amadurecimento da discussão global sobre desenvolvimento sustentável desde a década de 90.

Em Campo Grande

A Comissão Municipal para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável é integrada por um representante, titular e suplente, de cada um dos seguintes órgãos: Gabinete do Prefeito; Secretaria Municipal de Governo e Relações Institucionais; Secretaria Municipal de Finanças e Planejamento; Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia; Secretaria Municipal de Assistência Social; Secretaria Municipal de Educação; Secretaria Municipal de Saúde Pública; Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Gestão Urbana; Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social; Secretaria Municipal de Cultura e Turismo; Subsecretaria de Políticas para as Mulheres; Subsecretaria de Políticas para Juventude; Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação; Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano; Fundação Municipal de Esporte; Fundação Social do Trabalho de Campo Grande.